O Dia dos Amigos passou a muito, muito tempo. Mas eu estava de férias. Férias mesmo. Deixei minha cabeça passear pelo mundo maravilho do RPG e agora de volta tenho que prestar minhas contas. Em mais uma fumada em plena madrugada (e sem baseado ou alucinogeno qualquer, acreditem…) ai vai meu presente de Dia dos Amigos para todos vocês. Ele serve para mim e para vocês. Acho até que egoisticamente falando ele foi feito para mim. Mas serve, serve, todo mundo precisa ser mais você, por mais doido que seja como no meu caso…

Pegue você, multiplique por mil, adicione 20, diminua 3 e depois tire a raiz

No final você verá que não importa o resultado, ainda será uma parte de você que estará ali. Muitos filósofos se perguntam sinceramente por que teria que sobrar dessa equação você ou eu, ou sei lá quem… Talvez por que eles esperem que surja algo revelador, grande e surpreendente e com certeza, muito chato

Você é você e pronto. Você muda, aprende, mas existem coisas de você que vão além do auto-aprendizado xaolin ou jedi (escolha de acordo com sua religião) que tornam sua existência impossível de ser comparada. Ok, algum dizem que viemos dos macacos, outros dizem que todos somos irmãos, falam em uns tais de genes ou coisa assim, mas se fizessem um copia igualzinha a você, você acha que se ele vivesse em outro lugar, em outra família, passando por traumas totalmente diferentes você, ele seria você? (opa, melhor eu parar, senão vou começar a me enrolar…)

Não seja tão egoísta, egocêntrico, e caso ainda não tenha entendido BABACA (e burro também, mas abafa…). Você é aquilo que você viveu, nada tira isso de você. Não ha como se arrepender do que já passou e parte do que você aprendeu está ai, sendo você agora. Você é seu passado, você é seu presente e você é seu futuro. Eu, a mesma coisa (Hei! Eu não para você, para mim, ok?).

Estou sendo contraditório? Afinal falei que no final você é você, mas falei que as coisas te alteram e formam você?!? Então quem é você afinal?

Eu não sei.

Você é que me diz. Mas eu só sei de uma coisa. Se eu fosse você eu seria mais você. Serio. Quantos de você têm por ai? Só você. Assim como existe somente eu. Não se preocupe, não tenha medo. Lembre sempre que acertando ou errando isso será algo de você inevitavelmente. O que você prefere que seja parte de você? Algo que deixou de fazer ou algo que com certeza você fez?

Respeite o “você” dos outros, e mais. Respeite o seu você. Há sempre como aprender com o carinha do lado, sendo ele seu irmão de gene, evolução, espiritualidade ou sei lá o que mais… Mas com você, você aprenderá muito mais. Você já reparou por tudo que você passou até aqui? Já reparou todos que ajudaram a você ser você? Repare. Você vai ver que essa confusão toda tem razão. Vale a pena.

Mudando de assunto eu já falei que você é você? (Brincadeira…)

Anúncios