Incrível como todo adolecente otaku – ou nem tão otaku assim – gosta de filme hentai. Nenhum preconceito não, eu mesmo já assisti alguns. Quem aqui vai me falar que não conhece o já passado filminho A lenda do Demônio (originalmente Urotsukidõji) que reprisou várias vezes nas madrugadas da bandeirantes? A uns anos atrás o alvorosso era por um hentai chamado Bible Black, eu tinha um amigo que caçava o DVD desse hentai em eventos de anime como se fosse a ultima cereja do bolo.

 

mao.jpg

Isso tá mais pretexto para 5 contra 1 sabe? dar no macaco, acariciar o salame, esgalhar o pessegueiro…

Putz, satanismo, sexo, tentaculos, magia, robos gigantes… Definitivamente os japoneses tem uma mente bem viajada. E pior que em uma fase de nossa vida assistiamos isso e gostavamos também.

Mas a vida passa e a ilusão acaba – e aqueles filmes da bandeirantes não te enganam mais, nada de se excitar vendo mulheres saltando na coxa do cara :D – e você não se atrai mais por isso (Espero!!!!).

Eu desconhecia o conceito de “RPG Hentai” até ver comunidades no orkut sobre o tema e confesso fiquei curioso para entender como se jogava isso.  Principalmente depois de receber esse misterioso comentário na sessão Mestres dos Dados da singela usuária que se autodenominou Cu de Barro:

 porra meú ccú ta doendo fui inventar de jogar rpg de avatar pensando que era do desenho alenda de ANG acabei jogando de Hentai me fudi literalmente…………….. ERA hentai de Naruto………Shippuuden……….

Definitivamente eu tinha que pesquisar sobre o assunto…

Não ha muito o que dizer sobre um rpg desse tipo, achado em forums e comunidades do orkut ele é a chance de muitos adolecentes curiosos “relaxarem”. Enfim, sendo o RPG um jogo que estimula a imaginação não era pra ser tão surpreendente… Acho…

O roteiro é simples, você encara um adolecente (com um nome japonês pra variar) e seu objetivo é chegar as vias do fato com uma guria. Sabe como é, descabelar o palhaço, molhar o biscoito, afogar o ganço, aquilo naquilo, banho na vara, “bimbada” e por ai vai…

Então em uma pesquisa mais profunda no meu querido DriveThruRPG encontrei algo mais consistente:

Black Tokyo

rpg-hentai.jpg

Black Tokyo é um arquivo pdf de 171 páginas que descreve um japão alternativo como pano de fundo para uma história que entre os gêneros utilizados encontramos o hentai. Acompanhando os comentários até mesmo feats que transformam orgãos sexuais em armas ta valendo…

Black Tokyo possui um foco no lado mais violento e doentio dos animes hentais, tanto que  é expressamente desaconselhado para pessoas sensíveis. Alias, ele usa o sistema D20 e pode ser usado tanto em conjunto com D20 Moderno (E Ação!!!) quanto D&D diretamente gerando campanhas medievais pra lá de diferentes…

O livro é completo, com descrição de talentos novos, classes prestígio, raças, npcs e até monstros que vão de 1/2 a 28 de ND (!!!) e a história do cenário. Como dito acima, nada impede que a base e talentos sejam ampliados ou usados em conjunto com outros gêneros D20 para criar algum gênero novo e bizarro de hentai (medo).

O assustador é que buscando o tema encontrei vários RPGs e suplementos aonde o sexo tem forte presença. Vou perder um tempo depois falando sobre eles, tem coisa para sessão RPG Estranho pra talvez o que? Um ano…