Tem coisas que se escreve que sinceramente deveriam ficar guardadas. Eu obviamente tenho as minhas… Escrevendo a tanto tempo é obvio que coisas ruins aparecem. Outras eu deveria ter bebido muito ou fumado um bagulho muito doido…. Vou dividir com vocês algumas pérolas do Dados Limpos, apreciem com moderação:

Gerador da Sessão da Tarde Mode On

Nessa sexta-feira embarque em um grande sucesso do cinema: Phil Souza as vezes escreve coisas muito ruins que é acusado injustamente por um crime que não cometeu (WTF?!?) e vai dar uma tremenda confusão para ninguém botar defeito quando essa galerinha resolve detonar tudo em uma emocionante jornada onde não vai faltar aventura e muitas enrascadas!

PokeCopo, Temos que pegar!

Ha, sim. Lógico que eu teria que falar sobre pokemon. Um vergonhoso texto falando sobre meu começo no RPG e essa constrangedora criatura chamada PokeCopo. Até hoje não acredito que falei sobre isso. Pior que isso é o Rocha da Matilha lá embaixo em um dos seus primeiros comentários no meu blog perguntando se eu teria assim como ele mania de roubar copo em bares que eu frequento…

Seja você

Definitivamente antes de escrever isso eu fumei, cheirei, injetei, bebi todas e depois fui atropelado por um caminhão. Não é possível algo tão ruim assim, digno de nota junto com o famigerado texto introdutório do RPG Seres do Inferno (vergonhoso demais até para ser colocado aqui). A idéia era fazer uma brincadeira coma palavra você, era dia do amigo e enfim… Que vergonha… Que vergonha…

Carroças Medievais x Carroças Modernas

Aha! Com certeza esse é o exemplo do que alguém sem absolutamente nada pra fazer é capaz de escrever! A merda do post é nem sobre RPG e PIOR, ele recebe boas visitas diariamente.

Humor, RPG e Birita

Post confuso que tinha como proposito falar do humor que inevitavelmente aparece no jogo de RPG. Ficou ruim e no final ainda falo da minha ultima aventura etilíca. Eu tinha bebido tanto um dia antes da aventura que comento no final do post, que dormi por umas 4 horas na rua próxima a uma passarela que bêbado, me recusei a atravessar….

Especial de “Hello-Win” – O Caso das Mascaras de Chumbo e a Internet

Post recente que falei sobre um caso misterioso que aconteceu no Rio de Janeiro a anos atrás. Eu estava empolgado por que era Hallowen e viajei na maionese. A idéia era discutir como a internet poderia ser fonte de bons temas, mas novamente perdi a linha. Ta ruim pra caramba na realidade, deixa isso pra lá…